Total de visualizações de página

Horario de Brasilia

PITIMBU NOTÍCIA

quarta-feira, 23 de outubro de 2013

OS CAMINHOS DOS MAIORAIS: Treze pode imitar o Campinense e conquistar acesso no Serra Dourada


OS CAMINHOS DOS MAIORAIS: Treze pode imitar o Campinense e conquistar acesso no Serra Dourada
Detentores de duas apaixonadas torcidas, Treze e Campinense, duas grandes forças do futebol paraibno, podem viver uma mesma história no sonho pelo acesso a Série B do Brasileiro. Os caminhos que levaram o Campinense a Segundona, tem muitas semelhanças com os que serão cruzados pelo Treze domingo na batalha pelo acesso a Segunda Divisão. As coincidências são muitas no sonho de Galo e Raposa.

O ano em que o Campinense subiu foi 2008. O rubro-negro comandado pelo técnico Freitas Nascimento garantiu seu acesso com um empate sem gols contra o líder Atlético, em Goiânia. A diferença é que a fórmula de regulamento era diferente do campeonato com pontos corridos.

Naquele ano, time da casa, - rival do Vila Nova e do Goiás em seu Estado - acabou na liderança da competição com 29 pontos. Enquanto isso, os paraibanos herdaram a terceira vaga, também com 21. Um dos fatos do passado, relacionado ao maior rival do Galo, pode ser um trunfo para os mais superticiosos nessa reta decisiva. Isso porque, em 2008, na última vez que um time da Paraíba conseguiu o acesso para a segunda divisão nacional, o Campinense garantiu o acesso no mesmo palco do jogo de domingo.

Naquela oportunidade, a Raposa, encarou o Atlético Goianiense no Serra Dourada e conseguiu sair de campo com um 0 a 0 que garantiu o acesso. A torcida do rubro-negro fez uma grande festa para recepcionar os heróis do acesso. A torcida do Treze promete fazer uma festa ainda maior só que nas cores preto e branco.

Cinco anos depois, pode ser a vez do Treze fazer história no Estádio Serra Dourada. Se o placar do jogo entre Campinense e Atlético disputado em 2008 voltar a se repetir no domingo, o Galo também fica com a tão sonhada vaga na Série B de 2014. Isto porque, no jogo de ida, no Estádio Presidente Vargas, o Treze conseguiu a vitória por 1 a 0 e ficou com a vantagem do empate para se classificar.

Outro fato curioso que liga os Maiorais é que, quando o Rubro-Negro jogou a Série B, teve como um de seus adversários o Vasco da Gama, rebaixado em 2008. Com a campanha que vem fazendo na Série A deste ano, caso o Alvinegro de Campina Grande confirme seu acesso, o time carioca pode ser mais uma vez adversário dos paraibanos na competição nacional.

E as curiosidades não param por aí. No ano do acesso, o Campinense subiu junto com o Duque de Caxias, um clube carioca que estrearia na Série B. Neste ano, o Treze pode subir junto com o Macaé, um outro time carioca que se subir vai estrear na segunda divisão.

Caso chegue à Série B, contudo, o Galo vai ter que se esforçar para quebrar a escrita da Raposa cinco anos atrás. Naquela época, o rubro-negro foi rebaixado no primeiro ano que participou da Série B, em 2009. Depois foi rebaixado da Série C em 2011 e em 2012 não conseguiu retornar à Série C, ficando sem divisão em 2013.

Vila Nova e Treze se enfrentam no domingo, a partir das 19h no horário de verão de Brasília (18h no horário da Paraíba), pelo jogo da volta das quartas de final da Série C do Campeonato Brasileiro. O Galo tem a vantagem de jogar pelo empate ou até por uma derrota por um gol de diferença, desde que consiga marcar fora de casa. Vitória do Vila Nova por 1 a 0 leva a disputa da vaga para a cobrança dos pênaltis. E por mais de um gol de diferença dá a vaga ao Colorado.

Severrino Lopes

PBAgora  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

é um prazer em ter seu comentário em nosso Portal